Dez meses após lesão, Marzagão comenta retorno aos treinamentos com o grupo

Depois de um longo período de recuperação e muito trabalho, Diogo Marzagão está de volta e treinando junto com os outros atletas do Água Santa. Desde o dia 4 de setembro de 2019, quando rompeu o Ligamento Cruzado Anterior (LCA) do joelho direito, o volante aguarda o retorno oficial aos gramados - algo que está mais próximo de acontecer agora. 

 

O jogador tem feito as mesmas atividades que seus companheiros de equipe, sob os comandos do técnico Toninho Cecílio e os cuidados do Departamento de Saúde do Netuno, composto pela medicina, fisioterapia, fisiologia e preparação física. 

 

“Realizamos testes em todos os atletas do plantel e não encontramos grandes diferenças nos resultados do Marzagão. Ele está apto para treinar com o time normalmente. Porém, vamos continuar o acompanhando de perto nesse processo”, explicou João Barboza, coordenador da fisioterapia do clube. 

 

Como não poderia ser diferente, o volante revelou estar ansioso para voltar a defender as cores do Netuno. Hoje, dia 4 de julho, faz 10 meses de seu último jogo e nove meses da cirurgia no joelho. 

 

“Estou muito feliz, pois o retorno está próximo. Não vejo a hora de vestir a camisa do Água Santa e atuar na Arena Inamar novamente. Sou muito grato a Deus por essas oportunidades e de fazer parte do elenco que vai disputar os jogos finais do Paulistão”, disse Marzagão. 

 

O atleta também agradeceu à diretoria do Netuno por todo o respaldo durante o período de recuperação. “Fico feliz porque os dirigentes mostraram que confiam no meu trabalho.  Espero retribuir a confiança no dia a dia, nos treinos e nos jogos. Quero ajudar o Água Santa com a classificação à próxima fase do Paulistão e uma vaga na Série D do Brasileiro em 2021”, destacou. 

 

Momento mais difícil

 

Marzagão também falou sobre o momento mais difícil durante a longa recuperação. “Foi quando soube que não jogaria o Paulistão. Estava trabalhando muito por essa oportunidade, mas Deus sabe de todas as coisas. Tudo é no tempo Dele. Confio muito em Deus. Tenho muita fé e tinha minha família me ajudando o tempo todo. Sou muito grato à minha esposa Valquíria e às minhas filhas Agatha e Tabatha. Não foi fácil, mas com o auxílio delas e dos profissionais do clube, Deus me deu forças para vencer mais uma batalha”, afirmou. 

 

O volante também comentou sobre o apoio que recebeu da torcida enquanto se recuperava da grave lesão no joelho. Segundo ele, os torcedores sempre o trataram com muito carinho e respeito desde sua chegada ao Netuno. 

 

“Eles são fanáticos pelo clube. São apaixonados. Espero, dentro de campo, poder dar muitas alegrias a essa torcida fantástica. Não vão faltar raça e dedicação. Infelizmente, por causa da pandemia, os primeiros jogos devem ser sem a presença de público. Mas espero que eles nos apoiem e mandem energias de casa para representamos bem dentro de campo”, finalizou.

Compartilhe
RT
Please reload

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Instagram ícone social
logo.png
jem-logo.png
medmais.png
logo-pilar.png
Boxter-vetor-11-977x1024.png
buh-camisa.png
hiplan.png
Logo SportBetBRasil (1).png

ARENA INAMAR

Av. Nossa Senhora dos Navegantes,1522

Jardim Inamar - Diadema/SP

DEPARTAMENTO AMADOR

Rua Djalma Barroso da Costa, 154

Jardim Inamar - Diadema/SP

DEPARTAMENTO PROFISSIONAL

Rua Polux, 66

Jardim Inamar - Diadema/SP

SITE OFICIAL

ESPORTE CLUBE ÁGUA SANTA

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2018